Animais

Peixe ‘Sem Cara’ Foi Visto Pela Primeira Vez em Mais de um Século

O misterioso e gelatinoso animal emergiu das profundezas do oceano.Thursday, November 9, 2017

Por Heather Brady

Cientistas da Austrália que estudam zonas do oceano nunca dantes exploradas descobriram um peixe que parece não ter cara – uma espécie que só foi vista uma vez, há mais de um século.

O peixe, que foi encontrado pela primeira vez ao largo da costa da Papua-Nova Guiné em 1873, foi visto pela segunda vez numa expedição científica perto da costa este da Austrália, a 2,5 milhas abaixo da superfície da água. Não tem olhos, e a sua boca fica na parte debaixo do corpo, o que faz com que pareça que não tem cara. Apesar deste peixe não 'ter cara', consegue ser menos assustador que este Peixe-Lagarto descoberto recentemente.

A equipa de cientistas do governo australiano que estuda estas áreas inexploradas do oceano – numa viagem de um mês a bordo do Investigator – usam redes, sonares e câmaras subaquáticas de profundidade para identificar muitas novas espécies. Desde que zarparam, a 15 de maio, encontraram caranguejos vermelho-vivo com espigões, Chaunax endeavouri, aranhas-do-mar cegas, e enguias de águas profundas.

Foram recolhidos até agora muitos milhares de espécimes, e ainda faltam duas semanas até acabar a viagem. Tim O’Hara, o cientista que lidera a expedição no barco, em declaração à Agência France-Presse disse que cerca de um terço dos animais encontrados pelos cientistas são novas espécies.

No escuro, o peixes de águas profundas são, geralmente, gelatinosos, e, muitas vezes, não têm olhos. Alguns até criam a sua própria iluminação com bioluminescência.

O peixe ‘sem cara’ que a equipa encontrou tem duas manchas na cabeça que podem ser as suas narinas. Faz lembrar o peixe-olhos-de-barril, outra criatura encontrada nas profundezas do oceano, que tem narinas que parecem olhos.

Conheça também A Serpente Venenosa que se Julgava Extinta e Acabou de Ser Redescoberta

Continuar a Ler