Animais

Dia Mundial da Tartaruga: Conheça a Espécie em Vias de Extinção

No Dia Mundial da Tartaruga partilhamos algumas curiosidades sobre esta espécie em vias de extinção.Thursday, May 23

Por National Geographic
Uma tartaruga bebé nada livremente após ter nascido numa praia.

Anualmente, o dia 23 de maio é dedicado às tartarugas. Nesta data comemora-se o Dia Mundial das Tartarugas, uma espécie em vias de extinção devido às alterações climáticas que se têm feito sentir nos últimos tempos. Vamos conhecê-las um pouco melhor?

Dia Mundial da Tartaruga
Nos últimos 50 anos, o número de espécies animais que vivem no nosso planeta teve uma queda abrupta de 40%. O número de animais marinhos caiu igualmente em 40% e os animais de água doce em 75%. O Dia Mundial da Tartaruga serve, deste modo, para consciencializar a população sobre a importância deste animal para o ambiente e para sensibilizá-la sobre as consequências dos seus atos nos habitats de espécies animais, como a tartaruga ou o cágado, que estão a desaparecer em todo o mundo, de forma muito repentina.

O Dia Mundial da Tartaruga foi criado em 1980, pela American Tortoise Rescue, uma organização voluntária e  sem fins lucrativos dos Estados Unidos, que luta diariamente para a preservação desta espécie. Passados 20 anos, a 23 de maio de 2000, esta data foi celebrada pela primeira vez a nível mundial, tendo sido divulgada por grupos e organizações não governamentais de proteção ambiental.

Conheça melhor as Tartarugas
Sabia que as Tartarugas são um dos animais mais antigos do mundo? Existem há mais de 200 milhões de anos! Podem chegar aos 120 anos, mas, como consequência do aquecimento global, a destruição de habitats, da indústria alimentar exótica e do contrabando e comércio animal, esta espécie tem desaparecido muito rapidamente, chegando apenas aos 20 anos de idade. Inclusive, biólogos e outros peritos acreditam que as tartarugas desaparecerão do Planeta nos próximos 50 anos, sendo o principal predador o Homem.

UM VISLUMBRE DO MUNDO DAS TARTARUGAS

ver galeria

Um dado curioso, que surge devido a estas consequências de mão Humana, é que são cada vez mais as tartarugas marinhas femininas. Isto é, as alterações que a Terra tem sofrido estão a causar uma crise nas relações sexuais de tartarugas marinhas, havendo mais nascimentos do sexo feminino do que masculino.

As tartarugas pertencem à categoria dos repteis e, na época em que surgiram, foram os primeiros animais a apresentar carapaças ósseas e bicos cortantes, que substituem os dentes. Nesta altura, as tartarugas terrestres apresentavam, geralmente, mais de 2 metros de comprimento e as tartarugas marinhas cerca de 4 metros.

As principais diferenças entre tartarugas e cágados é que, no primeiro caso, estas são predominantemente aquáticas e são grandes – a maior tartaruga marinha chega aos 2,30 metros de comprimento –, enquanto que os cágados, são animais terrestres e apresentam dimensões mais pequenas.

O símbolo que marca as tartarugas é a sua carapaça. Esta tem como principal função abrigá-la e protegê-la de eventuais situações de perigo. Nestes casos, as tartarugas recolhem a cabeça, as patas e a sua cauda e mantêm-se assim, até se sentirem novamente seguras e fora de perigo.

No que diz respeito à alimentação, as tartarugas podem ser carnívoras, herbívoras – alimentação mais comum nesta espécie uma vez que não têm grandes capacidades para capturar outros animais mais rápidos –  ou omnívoras – comendo maioritariamente insetos.


Sabe como ajudar a preservar esta espécie animal?
Com pequenos gestos e atitudes, é possível ajudar a preservar esta espécie animal em vias de extinção. A mudança no mundo começa dentro de cada um de nós. Para isso, siga os conselhos da American Tortoise Rescue:

- Não compre tartarugas em lojas de animais, pois aumenta a caça das mesmas;
- Não retire estes animais do seu habitat natural, a menos que verifique que estão feridos ou doentes;
- Ajude as tartarugas a chegar, em segurança, ao seu habitat – muitas morrem atropeladas ao tentar chegar ao outro lado da estrada;
- Participe em iniciativas de preservação do habitat das tartarugas, realizadas especialmente no Dia Mundial da Tartaruga;
- Faça donativos a instituições e organizações que trabalham para a conservação e proteção de tartarugas;
- Denuncie casos de maus tratos ou vendas ilegais destes animais.

Continuar a Ler