Estes Animais Fazem Coisas Incríveis

O mundo animal é mesmo fascinante, tanto que alguns comportamentos de animais chocam cientistas e biólogos. Conhece alguns factos incríveis sobre animais impressionantes.Wednesday, May 16, 2018

Por National Geographic

A RÃ-DE-OLHOS-VERMELHOS COME “COM OS OLHOS” E SABE MAL

Sim, a rã-de-olhos-vermelhos colorido usa os olhos para engolir a comida. Quando engole, fecha as pálpebras e contrai os olhos, o que vai ajudar a “empurrar” a comida pelo esófago. E para não ser engolido por predadores, esta rã tem uma toxina na superfície da pele que a faz ter um mau sabor.

ver galeria

O SERVAL SALTA MAIS DE 3 METROS E FALA “OUTRAS LÍNGUAS”

O serval, grande felino natural de África, é um gato peculiar. Quando caça pode saltar três metros em altura. E tal como um gato, faz ronrom, mas também ladra, rosna, faz uns sons parecidos a cacarejos e pios, bufa, mia e grunhe.

ver galeria

AS BALEIAS-JUBARTE CAÇAM PEIXES COM BOLHAS DE AR

Talvez pela falta de alimento, talvez porque são um gangue, as baleias-jubarte juntam-se em grupo à volta de um cardume e começam a nadar aos círculos expelindo ar dos pulmões em direção aos peixes. Isto faz com que os peixes sejam empurrados para a superfície da água e sejam mais fáceis de apanhar pelas baleias. Esta técnica é a “rede de bolhas”, e é exclusiva das baleias-jubarte.

ver galeria

AS RAIAS-MANTA FAZEM LIMPEZAS DE PELE

Na verdade, as raias-manta recorrem a estações de limpeza aquáticas, onde pequenos peixes-limpadores se alimentam dos parasitas que se alojam no exterior do seu corpo. Este fenómeno é conhecido por simbiose de limpeza, e há vários animais que, como as raias-manta recorrem a ele.

OS GOLFINHOS NARIZ-DE-GARRAFA SÃO SOLDADOS

É estranho, mas verdade. Os golfinhos nariz-de-garrafa foram usados pelos exércitos Russo e Norte Americano, para encontrar minas, como espiões (transportando equipamentos óticos como câmaras) ou ainda para detetar intrusos, devido ao seu potente sonar.

ver galeria

OS PANDAS-VERMELHOS TÊM UM PSEUDO-POLEGAR E GARRAS RETRÁCTEIS

Os pandas-vermelhos têm uma caraterística comum com os pandas-gigantes que é ter cinco dedos em cada pata e um pseudo-polegar. Têm ainda uma característica comum com os gatos: garras retrácteis. Estas duas, combinadas, são uma ótima ajuda para subir a árvores, segurar comida e pendurar-se em galhos.

ver galeria

OS PINGUINS-IMPERADOR E AS RAPOSAS DO ÁRTICO SÃO BONS PAIS

Os simpáticos pinguins-imperador macho são quem choca os ovos, depois de as fêmeas os porem no gelo. Os pais pinguim ficam dois meses a incubar o ovo, durante o inverno, até que as mães pinguim voltam com comida. No caso das raposas do ártico, são os dois progenitores que cuidam, alimentam e treinam as crias, raro no mundo animal.

ver galeria

OS URSOS-BEIÇUDOS ANDAM À BOLEIA DAS MÃES

Falando de bons pais, as progenitoras carregam as suas crias de urso-beiçudo nas costas enquanto estas são muito jovens. Isto é algo inédito entre os ursos.

AS LONTRAS-MARINHAS SABEM USAR FERRAMENTAS

As lontras-marinhas, que são os mamíferos marinhos mais recentes e pequenos no oceano, usam pedras ou até conchas duras para abrir conchas de moluscos e carapaças de crustáceos. Como se isto não fosse suficientemente fascinante, as lontrinhas ainda usam algas para se prenderem quando estão a boiar no mar, ou para prender as crias quando vão caçar.

ver galeria

Interessante, não? Para saberes mais sobre as espécies ameaçadas, guarda o Happy Meal e sabe tudo sobre o animal que te calhou em National Geographic.

Conteúdo National Geographic em parceria com a McDonald's
Continuar a Ler