Tigre-de-Bengala

Os tigres são os maiores membros da família dos felídeos e são famosos pelo poder e pela força que têm. quinta-feira, 3 de maio de 2018

Por National Geographic
Fotografias Por JOEL SARTORE, NATIONAL GEOGRAPHIC PHOTO ARK

Nome comum: Tigre-de-bengala 
Nome científico: Panthera tigris tigris 
Classe: mamíferos 
Dieta: carnívora 
Esperança média de vida no habitat natural: de 8 a 10 anos 
Tamanho: cabeça e corpo entre 1,50 e 1,80 metros; cauda entre 0,60 e 0,90 metros 
Peso: de 108 a 227 quilogramas 

Classificação na Lista Vermelha da UICNEM PERIGO

A National Geographic e a McDonald’s unem-se numa parceria criando uma nova coleção de Happy Meal com os animais do mundo selvagem. O programa, composto por 12 peluches National Geographic, exclusivos no Happy Meal, convida as crianças a aprender mais sobre os diferentes animais, partilhando factos reais e surpreendentes da história e comportamentos da sua espécie.
Do tigre-de-bengala ao majestoso pinguim-imperador, são muitos os animais e os factos por explorar numa verdadeira e divertida aventura pela selva!
 
Mais curiosidades sobre a história deste felino e dos restantes animais em forma de peluche, exclusivos no Happy Meal, nos restaurantes McDonald’s.

SOBRE O TIGRE-DE-BENGALA

Em tempos, havia oito subespécies de tigres, mas três delas acabaram por se extinguir no decorrer do século XX. Nos últimos 100 anos, a caça e a devastação florestal reduziram as populações de tigre, que passaram de centenas de milhares de animais para, talvez, menos de 2500. Os tigres são caçados para troféus e, também, pelas várias partes do corpo que são usadas na medicina tradicional chinesa. Todas as cinco restantes subespécies de tigres estão em risco, e estão a decorrer muitos programas de proteção.

Como os tigres-de-bengala vivem na Índia, são muitas vezes chamados de tigres-indianos. São a espécie mais comum de tigres e a população corresponde a cerca de metade de todas as espécies de tigres selvagens. Ao longo dos séculos, estes tigres tornaram-se uma parte importante da tradição e sabedoria indiana.

COMPORTAMENTO

Os tigres vivem isolados e deixam marcas olfativas em grandes territórios para manterem os rivais afastados. São poderosos caçadores noturnos que viajam muitos quilómetros para encontrar búfalos, cervos, javalis e outros mamíferos de grandes porte. Os tigres usam as pelagens caraterísticas como camuflagem (não há dois que tenham exatamente as mesmas listas). Eles esperam e aproximam-se o suficiente para atacar as suas vítimas com um salto rápido e um ataque fatal. Um tigre com fome pode comer até cerca de 27 quilogramas numa noite, apesar de normalmente comerem menos.

Apesar de terem uma reputação temível, a maioria dos tigres evita os humanos; no entanto, alguns tornam-se perigosos e atacam humanos. Normalmente, estes animais estão doentes ou estão incapacitados de caçar normalmente. Podem, ainda, habitar numa área onde desapareceram as suas presas tradicionais.

As fêmeas dão à luz ninhadas de duas a seis crias, que criam com pouca ou mesmo nenhuma ajuda do macho. As crias não conseguem caçar até terem 18 meses de idade e ficam junto das mães durante dois a três anos, altura em que se afastam para encontrar o seu próprio território.

Continuar a Ler