Acontecimentos Recentes que Ficarão na História de Portugal

De 2016 até aos dias de hoje. Que acontecimentos ficarão para sempre na história de Portugal?sexta-feira, 11 de outubro de 2019

Por National Geographic

Portugal sempre foi um país de grandes marcos, de grandes acontecimentos e feitos históricos. Nos dias de hoje, Portugal continua a surpreender os portugueses e o mundo.

Alguns dos eventos mais recentes ficarão para sempre na história do país. Hoje fazemos uma retrospetiva dos acontecimentos que marcaram Portugal nos últimos anos, nas mais diversas áreas.

2016
2016 foi um ano que colocou Portugal nas bocas do mundo pelas mais variadas razões:
Desporto: no desporto, a Seleção Nacional sangrou-se campeã da Europa dois dias após o dia de Portugal, Camões e das Comunidades Portugueses. Éder marcou o golo da vitória de Portugal sobre a seleção francesa, levando a equipa a vencer o campeonato.
Cinema: o filme 'São Jorge', do realizador português Marco Martins, conseguiu sobressair-se nos diversos festivais internacionais e arrecadar vários prémios. Com ele, o ator Nuno Lopes viu a sua carreira consagrada e conseguiu alcançar prémios, como no Festival Internacional de Cinema de Veneza e no Festival de Cinema em Macau.
Diplomacia: um dos grandes acontecimentos de 2016 foi a ascendência de um português ao mais alto cargo da diplomacia mundial, em outubro. Depois dos problemas ocorridos, António Guterres foi aclamado Secretário-Geral das Nações Unidas. A 12 de dezembro desse mesmo ano, Guterres prestou juramento numa cerimónia em Nova Iorque, onde esteve presente António Costa e Marcelo Rebelo de Sousa.
Político-social: em janeiro de 2016, Marcelo Rebelo de Sousa é eleito Presidente da República com uma grande margem de vantagem – segundo o Diário da República, Marcelo Rebelo de Sousa obteve 52% dos votos.

Já sob o mandato do atual presidente, as leis sobre adoção por casais homossexuais e as alterações à lei da Interrupção Voluntária da Gravidez, que tinham sido promulgadas pelo Presidente da República no início de 2016, foram publicadas em fevereiro do mesmo ano, em Diário da República.

Eventos: foi em 2016 que o Websummit chegou a Portugal. Neste evento, foram recebidas mais de 50 mil pessoas no Parque das Nações, para discutir as grandes inovações no mundo da tecnologia, empreendedorismo e até desporto. O sucesso foi enorme e as próximas edições tiveram lugar também em Lisboa.

2017
O ano de 2017 foi um ano de grandes mudanças, vitórias e acontecimentos que ficarão na história de Portugal:
Música e Cultura: Portugal vence o Festival da Eurovisão, em Kiev, com o tema 'Amar pelos Dois', escrito por Luísa Sobral e interpretado por Salvador Sobral. Esta vitória colocou Portugal nas bocas do mundo e trouxe até nós, em 2018, o festival do qual fomos anfitriões.
Religião: o Papa Francisco visitou o Santuário de Fátima em 2017. Para além de presidir as cerimónias religiosas e de deixar apelos à paz, Papa Francisco teve encontros com o Presidente da República e com o Primeiro-Ministro. O impacto económico da sua visita foi enorme para as localidades de Fátima e Ourém – cerca de 20 milhões de euros.
Incêndios florestais: foram mais de 100 os mortos, 500 empresas e cerca de 500 mil hectares de área ardida que marcaram 20147 como o pior ano em Portugal, no que diz respeito a incêndios florestais. Os incêndios de junho, em Pedrógão Grande, e de outubro, em 27 concelhos da região centro, ficarão para sempre na memória dos portugueses e do mundo.

2018
O ano de 2018 foi um ano marcante para a história de Portugal. Dos vários acontecimentos ocorridos, destacam-se os seguintes:
Música: Portugal, após vencer a Eurovisão no ano anterior, recebe em 2018 o festival em Lisboa. 'O Jardim' de Cláudia Pascoal foi o tema escolhido para representar o país, tema esse que venceu o Festival da Canção com 22 pontos.
Desporto: João Sousa tornou-se o primeiro tenista português a ganhar o Estoril Open. João Sousa venceu o tenista norte-americano Francis Tiafoe na final e arrecadou o terceiro título ATP World Tour para a sua carreira.

Ainda em 2018, Fernando Pimenta conquista o ouro em duas categorias nos Mundiais de Canoagem em Velocidade, tornando-se campeão do mundo em agosto. Dois meses antes, o atleta já tinha ganho três medalhas nos Europeus.

Em dezembro de 2018, Braga é classificada como Melhor Cidade Europeia do Desporto, pela ACES Europe. A cidade distingue-se de outras 20 localidades europeias, recebendo 611 eventos, 400 mil espectadores, 200 mil praticantes e 80 modalidades durante o ano.

Cultura: O Centro Português do Surrealismo foi inaugurado em junho de 2018 pelo Presidente da República, em Vila Nova de Famalicão. A cerimónia do projeto, que procura fortalecer a oferta cultural da cidade e partilhar a história do movimento surrealista do país, contou ainda com a presença do ministro da cultura desse ano, Luís Filipe Castro Mendes.

2019
Faltam cerca de dois meses para o ano de 2019 terminar, mas ainda muita coisa pode acontecer. Até ao momento, estes foram alguns dos acontecimentos mais importantes do país:
Cultura: 'Portugal: Arte e Património' foi um projeto lançado em janeiro de 2019 pela Google Arts & Culture. Esta colaboração da Google, do Ministério da Cultura e da Direção-Geral do Património Cultural, vem disponibilizar online e em alta resolução mais de três mil obras do património cultural português.

2019 foi um ano que marcou o panorama cultural português. Maria Alberta Menéres, jornalista e escritora portuguesa, falece em abril. Outras figuras importantes, como Augustina Bessa-Luís, João Bigotte Chorão e Fernando Grade também marcaram o país com o seu falecimento.

Política: em maio de 2019 ocorreram as eleições europeias, mas o ano fica marcado pelo recorde de abstenção eleitoral (69.3%).

Continuar a Ler