Exclusivo: Fotografias raras da rainha Isabel II dos arquivos da National Geographic

Desde cerimónias antigas a jogos de futebol americano, estas 20 imagens captadas pelos nossos fotógrafos raramente ou nunca foram publicadas e abrangem a vida histórica da monarca.

Em 1970, a rainha Isabel II participava numa celebração em Winnipeg, Manitoba. O Canadá só conquistou a independência da Grã-Bretanha em 1982. No auge do Império Britânico, estimava-se que uma em cada quatro pessoas era súbdita britânica. Durante o reinado de Isabel II, os territórios britânicos encolheram de 70 para 16 países.

Fotografia por W.E. Garrett, Nat Geo Image Collection
Por Erin Blakemore
Publicado 12/09/2022, 10:30

Elizabeth Alexandra Mary Windsor estava sentada num trono antigo, com os olhos baixos. Momentos antes, esta mulher de 27 anos tinha sido coberta de branco. Agora era Isabel II, rainha do Reino Unido e dos reinos da Commonwealth – com os ombros envoltos em tecido dourado, mãos a segurar cetros com joias e a cabeça pesada com uma coroa. Gritos de “Deus salve a rainha!” ecoaram por toda a Abadia de Westminster enquanto soavam trombetas de prata.

Na coroação de junho de 1953, ninguém conseguiria imaginar que o reinado da rainha Isabel duraria um recorde de 70 anos. Mas o significado desta cerimónia elaborada não passou despercebido ao fotógrafo veterano James Jarché. Com uma câmara fotográfica Leica carregada com película Kodachrome, James Jarché documentou todos os momentos deste antigo ritual e, de seguida, enviou as imagens por revelar para a sede da National Geographic Society em Washington D.C. através de correio aéreo especial.

Os resultados galvanizaram os editores da National Geographic, que abandonaram o tema escolhido anteriormente para a edição de setembro de 1953 para abrir espaço para as impressionantes fotografias as cores, revelando a abordagem clássica da National Geographic que cobria tudo, desde a bandeira que encheu uma Londres ainda marcada pela guerra aos bichos-da-seda criados na Grã-Bretanha responsáveis pelas vestes sumptuosas da rainha.

Cartas de todo o mundo começaram a chegar à sede da National Geographic a implorar por cópias adicionais – para recordação ou para oferecer como presente. “É a maior história a cores de uma vida”, disse o editor de fotografia Kip Ross a James Jarché.

E a National Geographic lá estava para captar cada momento da sua vida. Os nossos fotógrafos de classe mundial documentaram a vida recatada da nova rainha – e  narraram as aparições oficiais de uma figura pública sempre controlada, oferecendo vislumbres raros de uma vida privada que Isabel protegia cuidadosamente.

As modas, fronteiras, formas de comunicar, os costumes públicos – tudo sofreu alterações significativas durante os anos de Isabel enquanto rainha. Eis Isabel II como a National Geographic a viu: graciosa, determinada, curiosa, confiante e com muita longevidade.

O rei Jorge VI, a rainha Isabel (a rainha consorte), a rainha Mary (a rainha mãe) e a princesa Isabel posam em 1937 em frente a um modelo do “Soberano dos Mares” durante a abertura do Museu Marítimo Nacional em Greenwich, Londres.

Fotografia por W. E. Meayers, Nat Geo Image Collection

A rainha Isabel II é coroada rainha pelo arcebispo aos 25 anos de idade na Abadia de Westminster, em Londres, no dia 2 de junho de 1953.

A rainha Isabel II ao lado do marido, o príncipe Filipe, duque de Edimburgo, a caminho de Higham Ferrers, uma pequena cidade nos arredores de Northampton, Inglaterra, no dia 9 de julho de 1965.

Esquerda: Superior:

A rainha Isabel II caminha ao lado do xeique Isa bin Salman Al Khalifa durante uma visita ao Bahrain em 1979. Esta foi a primeira vez que uma mulher chefe de estado visitou o país e foi uma paragem numa visita a seis países da Península Arábica.

Direita: Inferior:

O presidente Gerald Ford fala para uma multidão com a rainha Isabel II ao seu lado na Casa Branca em Washington D.C. O presidente e a primeira-dama dos EUA organizaram um jantar de estado em homenagem à rainha Isabel e ao príncipe Filipe no dia 7 de julho de 1976. A visita da rainha estava englobada na celebração do Bicentenário da Revolução Americana.

Fotografia por Joseph H. Bailey, Nat Geo Image Collection

A rainha Isabel II fala aos membros da Câmara dos Lordes ao abrir a sessão no Parlamento em 1960. A rainha Isabel abriu o Parlamento durante todos os anos do seu reinado, exceto em 1959 e 1963, quando estava grávida, e em 2022, quando teve problemas de mobilidade.

A rainha Isabel II e o marido, o príncipe Filipe Mountbatten, desembarcam de um iate de madeira em Suva, nas ilhas Fiji. O casal chegou às Fiji, na altura uma colónia inglesa, a 17 de dezembro de 1953, pouco depois de Isabel se tornar rainha.

A rainha Isabel II cavalga durante o desfile Trooping the Color em 1984, acompanhada pelo seu filho, o príncipe Carlos, à sua direita, e seguida pelo marido. Todos envergam os uniformes da Guarda Galesa, decorados com medalhas reais. Os homens usam colbaques de pelo de urso.

A rainha Isabel II em frente aos degraus da igreja enquanto o caixão do ex-primeiro-ministro Winston Churchill sai durante o seu funeral, em 1965.

A rainha Isabel II conduz para participar na missa de domingo, em 1979. Apesar de não ter carta de condução, a monarca gostava de conduzir e continuou esta prática mesmo depois de ter um susto de saúde em novembro de 2021. Isabel aprendeu a conduzir e foi mecânica no Serviço Territorial Auxiliar Feminino em 1945, durante a Segunda Guerra Mundial. Isabel foi a primeira mulher da família real britânica a servir nas forças armadas.

A rainha Isabel II olha para filho, o príncipe de Gales, durante a cerimónia de posse de Carlos em Gwynedd, no País de Gales, a 1 de julho de 1969.

Isabel II e o príncipe Carlos acenam para a multidão após a posse do príncipe de Gales em 1969. Embora esta cerimónia indigitasse formalmente Carlos, o evento ocorreu num momento em que o sentimento de nacionalismo galês estava a aumentar.

A então a princesa Isabel e o marido, Filipe, colocam uma coroa de flores no Túmulo do Soldado Desconhecido, no Cemitério Nacional de Arlington, por volta de 1951. Isabel fez outra viagem ao local, já como rainha, em 1957.

A rainha Isabel II e o príncipe Filipe deixam o Castelo de Caernarvon, em Gwynedd, no País de Gales, por volta de 1963.

A rainha Isabel II recebe lembranças de várias personalidades no Estádio Byrd, durante um jogo de futebol americano que opôs a equipa de Maryland contra a Carolina do Norte em College Park, no estado de Maryland, a 19 de outubro de 1957. A rainha pediu especificamente para ver um jogo de futebol americano durante a sua visita à América.

Esquerda: Superior:

Isabel II conversa com o príncipe Filipe e o príncipe Carlos em Windsor, Inglaterra, em 1979.

Direita: Inferior:

Isabel II fala com cavaleiras enquanto apresenta fitas no Espetáculo de Hipismo de Windsor, em Windsor Great Park, em 1979.

A família real na varanda do Palácio de Buckingham no encerramento da procissão Trooping the Color, para homenagear o aniversário oficial da rainha. A rainha Isabel II está com o marido, o príncipe Filipe, e o filho, o príncipe Carlos. Os monarcas vestem uniformes da Guarda Galesa (casacos vermelhos com faixas azuis) e medalhas reais. Ao seu lado estão outros membros da família real, incluindo a rainha-mãe; o príncipe William de Gales, ao colo do pai, o príncipe Carlos; a princesa Margarida, irmã da rainha; o príncipe André, junto à porta com um fato escuro; Michael, a duquesa de Kent, ao lado de Diana, princesa de Gales; e três crianças não identificadas.

A Cerimónia da Jarreteira, no Palácio de Windsor, indigita ao serviço novos Cavaleiros da Ordem, na Capela de São Jorge. Os serviços da Jarreteira, descontinuados em 1805, foram revitalizados pelo rei Jorge VI em 1948 e tornaram-se um evento anual.



Este artigo foi publicado originalmente em inglês no site nationalgeographic.com

Continuar a Ler

Também lhe poderá interessar

História
Isabel II foi a rainha mais improvável da Grã-Bretanha dos tempos modernos
História
Nova biografia revela os bastidores da família fundadora da National Geographic
História
Os guerreiros deste reino de África Ocidental eram formidáveis – e eram mulheres
História
Como a rainha Isabel II abraçou as novas tecnologias durante o seu reinado
História
Revelado o naufrágio de ‘barco de festas’ da realeza

Descubra Nat Geo

  • Animais
  • Meio Ambiente
  • História
  • Ciência
  • Viagem e aventuras
  • Fotografia
  • Espaço
  • Vídeos

Sobre nós

Inscrição

  • Revista
  • Registar
  • Disney+

Siga-nos

Copyright © 1996-2015 National Geographic Society. Copyright © 2015-2021 National Geographic Partners, LLC. Todos os direitos reservados