Um Dia pelos Passadiços de Aveiro

Os Passadiços de Aveiro, com mais de sete quilómetros, seguem a belíssima Ria e oferecem vistas privilegiadas da fauna e flora desta área: tudo menos monótona!sexta-feira, 14 de setembro de 2018

Por National Geographic

Ir a Aveiro sem espreitar a Ria é algo que desaconselhamos. Este belíssimo acidente geográfico do século XVI e a história da cidade estão intrinsecamente ligados. Além disso, como perder toda esta beleza natural?

Boas notícias: agora pode observar a ria, a fauna e a flora pelos Passadiços de Aveiro, inaugurados em julho deste ano. Fomos dar um passeio e adorámos o que vimos. Comece já a preparar a sua visita.

Quando visitar?

As alturas mais populares para fazer este percurso, que no total conta com sete quilómetros e meio, são de manhã cedo, ou ao final da tarde. São estas as horas escolhidas por turistas, visitantes, locais, joggers, ciclistas e curiosos. Ao todo, são cerca de duas horas a caminhar, um pouco menos de bicicleta.

Cada altura do dia confere uma perspetiva distinta sobre a Ria e entorno: de manhã observe os muitos pássaros que despertam, durante a tarde terá o Sol a brindá-lo, e ao final da tarde, com o pôr-do-sol, aproveite as cores que banham a Ria.

Como chegar?

Apesar de o ponto de partida oficial deste passadiço de Aveiro ser o Antigo Cais de São Roque, em plena cidade de Aveiro, e que fica a pouco mais de um quilómetro da estação de comboio, há mais dois pontos onde pode começar o trilho: a dois quilómetros do Cais de S. Roque, no Cais da Ribeira de Esgueira, ou pode ainda começar pelo “fim”, em Vilarinho, na freguesia de Cacia.

Seja qual for o sentido que escolher, prometemos que não se vai arrepender: a ria merece ser vista assim.

A pé ou de bicicleta?

Para completar o percurso de ida e volta terá que percorrer cerca de quinze quilómetros. Seja qual for o meio de deslocação selecionado, durante os sete quilómetros de extensão dos passadiços de Aveiro terá vários pontos para descansar. Não faltam bancos de madeira em lugares estratégicos, e com uma vista nunca menos do que fenomenal.

O que pode esperar

Ao longo do passadiço de Aveiro vai passar pela ria de Mataduços e Póvoa do Paço, até chegar ao Rio Novo do Príncipe, em Vilarinho. No caminho, entre árvores, sapais e areal, observe bem de perto as aves que, nas diferentes estações, chamam casa à ria. Andorinhas-do-mar-anãs, perna-longas, pilritos-comuns, águias-pesqueiras, milhafres negros, garças e até flamingos contribuem para uma experiência inesquecível.

Também o passadiço em si tem muito que ver. Em vários pontos ao longo do passadiço de Aveiro (lembra-se dos pontos de descanso?) encontrará frases e expressões da zona, e suas explicações... um verdadeiro dicionário de dizeres aveirenses.

Os nossos conselhos

Não nos cansamos de chamar a atenção para isto, mas o protetor solar é essencial. Este percurso de mais de sete quilómetros não tem muitas sombras, pelo que proteja sempre as áreas expostas como cara, peito, braços e pernas. Apesar de o caminho não ser difícil, já que segue a ria sempre ao mesmo nível, ainda é uma caminhada, pelo que é aconselhável usar roupa e calçado confortável. Leve sempre um snack ou dois, e muita água.

Porque o passadiço de Aveiro é usado também por bicicletas e joggers, em algumas curvas mais apertadas é necessária cautela. Não se aconselha este percurso a crianças pequenas, já que os percursos são relativamente longos.

No caso de estar acompanhado por crianças ou alguém com menos resistência, pode sempre optar pelo mini-percurso Cais de São Roque ao Cais da Ribeira da Esgueira. São cerca de 2 quilómetros que em nada ficam atrás aos restantes cinco.

Se um dos seus motivos for a fotografia, então sugerimos que aproveite o nascer e o pôr-do-sol. As cores maravilhosas do amanhecer espelhadas na água valem a pena o esforço matutino.

Passadiços de Aveiro até Estarreja

Está para breve a inauguração da extensão desta via ecológica ciclável até Estarreja. Assim, os passadiços de Aveiro estender-se-ão até Estarreja, passando por Albergaria-a-Velha, num total de 23 quilómetros que seguem de perto a ria de Aveiro.

Aproveite o bom tempo que se mantém, e vá conhecer estes passadiços de Aveiro recém-inaugurados. E quando lá estiver, deixe-se apaixonar pela natureza e diversidade desta região. No final do percurso já sabe, recupere energias com uns merecidos ovos moles ou uma tripa!

Continuar a Ler