Viagem e Aventuras

8 Lugares Selvagens e Belos no Quirguistão

As paisagens escarpadas e o legado cultural único fazem deste país, na Ásia central, um destino a não perder.Thursday, April 11

Por Kay Rodriguez
ver galeria

As cidades do Quirguistão estão repletas de edifícios ao estilo soviético, mercados espalhados por todo o lado e mesquitas ornamentadas. No entanto, fora das movimentadas ruas metropolitanas de Bishkek e Osh, existem maravilhas escondidas: Uma viagem mais profunda às regiões selvagens do Quirguistão oferece lagos alpinos de águas turquesa, picos cobertos de neve e vastas florestas de nogueiras.

Atualmente, as paisagens escarpadas do Quirguistão, o legado nómada e a história fascinante da Rota da Seda atraem aventureiros e entusiastas da cultura. Descubra oito dos lugares mais espetaculares do país.

PARQUE NACIONAL ALA ARCHA

A apenas 40 quilómetros de Bishkek, o impressionante desfiladeiro no Parque Nacional Ala Archa é uma das áreas naturais mais queridas do Quirguistão.

Em quirguiz, língua oficial do Quirguistão, ala archa refere-se às diversas árvores de zimbro que adornam o desfiladeiro. Aqui, as pessoas costumam usar zimbro para proteger as casas e afastar os maus espíritos. Em Ala Archa, estas árvores servem de pano de fundo para uma variedade de atividades de aventura ao ar livre, incluindo caminhadas e esqui, durante todo o ano.

A partir de Bishkek, vá de táxi ou alugue um carro para uma viagem de 30 minutos até à entrada do parque. Quando chegar, desfrute dos trilhos, alojamentos e áreas sazonais de recreio.

LAGO KOL SUU

Na região de alta altitude perto da fronteira com a China, entre as formações rochosas escarpadas, esconde-se um lago alpino. Durante o verão, a água dos picos cobertos de neve desagua na enorme bacia de Kol Suu, criando uma cor turquesa vibrante. O isolamento absoluto do lago – com o azul cintilante da água a bater nas rochas arenosas – faz do Lago Kol Suu um destino muito atraente.

Dada a sua localização remota, é muito difícil conseguir chegar ao lago. Contrate um guia local experiente na cidade vizinha de Naryn, para o conduzir na viagem de quatro horas ao longo de estradas esburacadas e não pavimentadas, terminando a última etapa a pé ou a cavalo. Perto do lago, pode ficar num acampamento yurt ou montar a sua própria tenda.

PICO LENINE

Mais a sul, o Pico Lenine estende-se pela fronteira tajique. O segundo maior cume do país, com uma altitude máxima de mais de 7 mil metros, está permanentemente coberto de neve e é uma das montanhas mais icónicas do Quirguistão.

Alguns grupos de caminhantes mais experientes tentam escalar o pico todos os anos, mas quem não deseja alcançar o cume pode caminhar até ao acampamento base ou explorar as colinas e vales circundantes. Contrate um motorista ou faça uma excursão partir de Osh, Sary Tash ou Sary Mogul. Os gabinetes de turismo locais, baseados na comunidade, também podem organizar uma estadia num dos acampamentos no sopé das montanhas.

ARSLANBOB

O que distingue Arslanbob de outras regiões montanhosas no Quirguistão é a sua floresta de nogueiras – a maior do mundo, com 11 mil hectares. As florestas de nogueiras, que no século III a.C atraíam colonos para Arslanbob, são uma das fontes mais importantes de exportação do Quirguistão, desde a época de Alexandre, o Grande. Atualmente, a região atrai milhares de turistas de todo o mundo.

Situada entre as cordilheiras montanhosas de Fergana e Chatkal, no oeste do Quirguistão, Arslanbob acolhe visitantes (entre finais de setembro e início de outubro) para celebrar a colheita anual de nozes. A região também é o lar de quedas de água pitorescas, trilhos para caminhadas e sepulturas muçulmanas com centenas de anos. Para chegar a Arslanbob, pode apanhar um marshrutka (um mini autocarro local) de Jalal-Abad ou Osh. No centro da cidade de Arslanbob pode contratar um guia local para lhe mostrar os trilhos pedestres e as atrações da floresta.

LAGO ALA-KUL

A mais de 3 mil metros acima do nível do mar, Ala-Kul é um pitoresco lago alpino na faixa coberta de neve de Terskey Alatau. Atualmente, é um dos destinos de caminhadas mais populares do Quirguistão, graças à sua acessibilidade a partir da cidade vizinha de Karakol, e da proximidade com enorme Lago Issyk-Kul.

Só é possível chegar ao lago Ala-Kul a pé, através de um trilho íngreme que normalmente demora mais de um dia. Os viajantes podem alcançar o trilho de Ala-Kul através de transportes públicos, a partir de Karakol, ou podem ir a cavalo até à base da subida final. A maioria dos viajantes combina a caminhada a Ala-Kul com banhos nas fontes termais próximas, no vale de Altyn Arashan.

TASH RABAT

Tash Rabat é um dos caravançarais mais bem preservados da Rota da Seda – pontos de referência importantes que serviam como mercados, instituições educacionais e pousadas para os comerciantes ao longo da rota. Construído num vale remoto entre as Montanhas At-Bashi, no sul do Quirguistão, o isolamento de Tash Rabat realça a sua beleza. Apesar dos turistas poderem visitar o caravançarai através de uma tarifa de entrada, as vistas mais espetaculares estão nas colinas circundantes e em alguns dos trilhos que levam a Chatyr-Kul, um enorme lago e área de reserva natural.

As estradas não pavimentadas até Tash Rabat podem ser difíceis de navegar, aconselhando-se por isso a contratação de um guia local através dos gabinetes de turismo na região vizinha de Naryn. Para prolongar a sua viagem, combine-a com uma viagem ao Lago Kol Suu, ou passe uma noite no acampamento yurt de Tash Rabat.

DESFILADEIRO SKAZKA

Na margem sul do Lago Issyk-Kul encontra-se um desfiladeiro que parece ter saído de outro planeta, com formações rochosas irregulares e impressionantes, criadas a partir de milénios de gelo, água e erosão do vento. O Desfiladeiro Skazka – que em russo significa “conto de fadas” – é a fonte de muitas lendas locais. O seu cume rochoso central faz lembrar a coluna vertebral de um dragão, com duas faces rochosas verticais em torno do seu trilho principal.

Para chegar ao Desfiladeiro Skazka, siga as indicações na estrada principal, na costa sul de Issyk Kul, perto da aldeia de Kaji-Sai. Quer passar mais tempo neste local? Aproveite os acampamentos yurt perto da entrada do desfiladeiro.

BOKONBAYEVO

Uma pequena e tradicional aldeia quirguiz, perto da margem sul do Lago Issyk-Kul, Bokonbayevo é uma excelente base para passeios de vários dias e excursões a cavalo até às Montanhas Terskey Alatau. É também o lar de uma das tradições mais importantes do Quirguistão: desportos com águias. Durante séculos, os caçadores de Salburun treinaram as suas águias ao longo da costa sul de Issyk-Kul, e hoje exibem a sua herança no Festival de Aves de Rapina anual.

Chegar até Bokonbayevo é muito simples: pode apanhar um marshrutka a partir de Bishkek ou de Karakol. Existem muitas pousadas no centro da aldeia de Bokonbayevo, para além de um gabinete de turismo onde pode contratar um guia local para fazer caminhadas nas áreas naturais próximas.

 

Este artigo foi publicado originalmente em inglês no site nationalgeographic.com